domingo, 13 de dezembro de 2009

Dicas

Antes de começarmos a nos aprofundar nos assuntos técnicos relacionados à Bateria, gostaria de estar dando a vocês alguns toques que tenho, aprendido durante todos esses 9 anos tocando bateria. Para nos tornarmos bons bateristas, é necessário alguns quesitos básicos: A Dedicação, o Empenho, a Perseverança e o mais importante, disciplina e paciência (e muita paciência consigo mesmo).

O aluno iniciante geralmente está “cheio de gás”, louco para tocar, então, o que ele mais quer é comprar logo a sua Batera e ficar tocando o dia inteiro. Durante essa fase, é natural que esse “gás” vá diminuindo, mas enquanto isso não acontece, o aluno poderá sentir dores nas costas, nos braços e nas pernas.

Conselho:
Por isso é recomendável antes de começar a tocar, fazer um leve relaxamento dos braços, pernas e mãos. Utilize algum exercício para relaxamento que acione bastante os pulsos, tornozelo e as juntas dos braços e pernas.

Amigos, não adianta você sentar na sua batera 8 horas no fim-de-semana sendo que durante a semana você não dá nem um bom dia à sua amiga! O ideal é você “vê-la” pelo menos um pouquinho todos os dias.

Além do que, se você tocar 8 horas de bateria num só dia, você, com certeza, vai deixar todos em sua casa loucos rs. É muito importante que todos na casa cheguem a um acordo quanto aos dias em que você pode tocar, a que horas e o mais importante quanto tempo.

Negocie até mesmo com os vizinhos, porque nada mais chato do que você estar fazendo um som na sua batera e o vizinho “enchendo o saco”. Mas temos que entender que nem todos gostam do “barulho” maravilhoso da Bateria!

2 comentários:

  1. Owh! o Bruno com blog... o.O'
    Bacana seu post, realmente bateria é muito loko! :p

    ResponderExcluir